HONRA TEU PAI E TUA MÃE!

AFASTAR-SE DO MAL
março 4, 2018
O PODER DA VIDA E DA MORTE
março 11, 2018

HONRANDO OS PAIS

Muitos de nós conhecemos o quinto mandamento do Senhor: “Honra teu pai e tua mãe, para que se prolonguem os teus dias na terra que o Senhor teu Deus te dá” (Êxodo 20.5).

Mas quantos de nós realmente o obedecemos? Existem muitos livros, artigos e estudos que falam sobre a influência negativa dos pais no desenvolvimento do caráter dos filhos. Não faltam profissionais da psicologia e psicanálise para defender a todos nós, dos genitores perversos que tivemos na nossa infância e dos danos acarretados por esse passado de maus tratos e erros.

 Se você tem dificuldade para se relacionar com as pessoas: É porque você foi muito criticado quando era criança.

Se você é extrovertido demais: É porque seus pais não colocaram limites nas suas proezas.

Se você não consegue permanecer casado: É porque você não teve um modelo positivo.

Se você não consegue ser um bom pai ou mãe para os seus filhos hoje: É porque os seus pais não lhe ensinaram nada de bom.

Se você não está satisfeito no seu trabalho: É porque seus pais não lhe incentivaram a fazer o que você gostava de fazer.

Se você está frustrado porque permanece solteiro e não consegue casar: É porque os seus pais não lhe ensinaram a amar.

Se você vive cheio de mágoas e rancores: É porque os seus pais lhe agrediram verbal e/ou fisicamente.

Se você é dependente químico: É porque seu pai ou mãe, (ou ambos), também era.

Se você vive infeliz e melancólico: É porque seus pais eram pessimistas e lhe transmitiram isso.

Ah pais… Quanta culpa!

Sejamos francos amados irmãos. É bem mais fácil colocarmos a culpa nos nossos pais e permanecermos nesta zona de conforto, do que termos que arregaçar as mangas e ir à luta para curar as nossas feridas interiores.

Não estou isentando os pais de suas responsabilidades e conseqüências de seus atos! Nós pais temos uma missão de grande valor nas mãos. Educar filhos para o Senhor! E isso certamente requer um bocado de oração e submissão à Palavra de Deus. Mas hoje quero abordar o “outro lado”… O lado dos pais! O lado dos nossos pais.

Na época de nossos pais, certamente não havia tanta informação quanto dispomos hoje. Muitos foram criados por tias, avós, vizinhos ou parentes… Raramente desfrutavam a companhia dos pais… Outros passavam o dia inteiro em uma escolinha, creche, ou mesmo com uma babá… E não tem a mínima idéia do que significa “núcleo familiar”. Outros conviveram com uma família imensa, de vários irmãos, e não tiveram o privilégio de receber a atenção que necessitavam. Muitos ainda foram criados em meio a uma família turbulenta e repleta de agressividade… Enfim, seja pela falta de informação, pela falta de amor, falta de tempo ou falta de Deus em seus corações… É provável que nossos pais tenham cometido muitos erros conosco. Erros que talvez hoje se arrependam. Ou talvez, erros que nem ao menos suspeitam ter cometido…

Mas isso não importa. Realmente, não importa mais. O tempo passou. Crescemos. Talvez tenhamos Casado, ou não. Construído a própria família… Talvez você possa estar pensando: Sim, o tempo passou, mas as marcas ficaram.

Quanto as “marcas” de uma infância traumática ou repleta de maus tratos, Só Jesus pode curar. Sim amados. Nossos pais podem ser os culpados, mas as feridas, somente Cristo pode sarar. Se é essa a sua situação, amargura, raiva, ressentimento ou mágoa pelo que seus pais fizeram com você. Perdoe. Sim, perdoe. Peça ao Senhor para lhe ajudar a perdoar. Para lhe curar. Para entrar com providência nesses traumas, medos e mágoas e limpar o seu coração e a sua mente de toda e qualquer amargura. Deus pode fazer isso. E ELE fará. Se você o buscar de todo o seu coração.

A Palavra de Deus nos manda?

“honrar pai e mãe”. Não existe aí nem uma exceção no sentido de “exceto se seu pai ou mãe não foram carinhosos, justos e bons para você”. A Palavra de Deus não faz referência alguma sobre isso; Se os nossos pais foram bons ou maus para nós. Apenas nos manda honrá-los. E isso, para alguns de nós, pode ser bastante difícil. Especialmente se fomos violados, agredidos ou abusados na infância, por um ou ambos os pais.

Ainda assim, Deus nos manda “honrar”. Mas o que significa honrar? Dar honra, é respeitar. Independente do que possamos estar sentindo. Independente do que o Espírito Santo ainda tenha que curar em nossos corações. A honra aos nossos pais é um mandamento do Senhor.

Honramos quando respeitamos. Lembro de um caso há muitos anos. A irmã fora abusada pelo pai, na infância. Não conseguia amá-lo, por mais que tentasse. Até o som da voz de seu pai, lhe irritava. Suportar a sua presença no mesmo ambiente era lhe penoso. Achava que jamais conseguiria cumprir esse mandamento; “Honrar”. Resolveu então, certo domingo, conversar a respeito, com a esposa do pastor de sua igreja. E esta lhe explicou que o fato de não agredir seu pai, quando estava em sua presença, era uma forma de honrá-lo. Não responder de forma ríspida, era uma forma de dar honra também. Não se irritar, nem falar algo que pudesse magoá-lo, era uma forma de dar honra. Não criticar, culpar ou punir o seu pai era outra forma de honrá-lo. Enfim, ela deveria entregar o seu sofrimento a JESUS CRISTO. O pecado fora cometido pelo pai dela. Cabia a Deus e não a ela, julgar. O esforço para ter um relacionamento amistoso com seu pai, era a honra que ela lhe devia. Não porque seu pai merecesse, mas porque Deus mandou fazê-lo.

E porque devemos honrar os nossos pais? Mesmo que isso nos seja penoso? Porque Deus quer nos abençoar mediante a obediência do Seu mandamento. O pecado pode ter sido cometido por um ou ambos os nossos pais. Mas ainda assim, Deus tem bênçãos para nós! “Para que se prolonguem os teus dias, na terra que o Senhor te dá” (20.5b).  Vida mais longa. Dias prolongados… A mão de Deus está sobre aqueles que cumprem os Seus mandamentos. Então, amado irmão, amada irmã, independente do que você possa estar sentindo pelos seus pais… Dê-lhes honra! Deus quer abençoar a sua vida, através da sua obediência a ELE!

Um mandamento, é uma lei. Obedecê-lo ou não, implica em bênção… Ou maldição.

Deus abençoe a sua vida e família!

Pastores. Alexandre e Rosileni Mansano

“Família, Um Projeto De Deus”!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine nossa newsletter

 


E receba Ebooks bíblicos para fortalecer a sua fé.

 

Assinado com sucesso!